.posts recentes

. Projecto "Cidades Criativ...

. Respostas do Questionário

. Agenda Cultural -> Maio 2...

. Duelo Final

. Biblioteca Municipal de P...

. 3ª Crónica GSBV

. Biblioteca Sem Sono

. Aeródromo de Ponte de Sor

. Agenda Cultural -> Abril ...

. Imagem Exclusiva do Futur...

. 4000 Visitas

. Avaliação

. Quadro de objectivos/estr...

. Agenda Cultural -> Março ...

. Semana de Laboratório Abe...

Domingo, 14 de Outubro de 2007
Bilhete de Identidade (Actualizado)

Principais actividades económicas: Agricultura, indústria e serviços. É um concelho fundamentalmente agrícola. A criação de gado, a apanha da azeitona e da cortiça ainda hoje geram importantes receitas.

Classificação: Cidade (Ponte de Sor foi elevada a cidade a 8 de Julho de 1985)

Distrito: Portalegre

Região: Alto Alentejo (Região de transição entre o Ribatejo e o Alentejo.)

Área: 17.042 ha (839,5 km2)

População: 17.620 habitantes.

O Clima: é marcadamente mediterrânico, caracterizado por uma estação seca, bem acentuada no Verão, e por uma precipitação irregular.

O relevo: é pouco acidentado, apresentando uma morfologia suave, com altitudes que pouco ultrapassam os 200 m e onde se destacam dois montes, Barracão (185 m) e Cabeços (203 m).

Aspectos Geográficos: O concelho de Ponte de Sor, abrange sete freguesias: Galveias, Montargil, Ponte de Sor, Foros de Arrão, Longomel, Vale de Açor e Tramaga. O concelho encontra-se limitado a nordeste pelos concelhos de Gavião e Crato, a este por Alter do Chão e Avis e a sudeste por Mora, no distrito de Évora. O território concelhio é fundamentalmente limitado por duas albufeiras: a de Montargil e a do Maranhão, já no vizinho concelho de Avis.

Recursos hídricos: Intersectando o curso da ribeira de Sôr (que a jusante confluirá com a da Raia formando o rio Sorraia, afluente da margem esquerda do Tejo). Existe também a ribeira de Andreu, a ribeira do Vale de Boi, a ribeira do Maltim, a ribeira do Arrão e a barragem e albufeira de Montargil.

Principal atractivo turístico: Campo, desportos náuticos, barragem de Montargil, turismo de interesse equestre. Talvez pelas características do terreno e pelo sossego proporcionado aos visitantes, floresceram nestes últimos anos uma série de unidades de turismo no espaço rural, umas mais viradas para a caça, outras para os desportos hípicos ou para o lazer puro e simples. A barragem de Montargil, pensada fundamentalmente para o apoio à agricultura, criou uma vasta albufeira, hoje muito procurada como área de lazer, pesca e desportos náuticos.

Principais actividades económicas: Agricultura, indústria e serviços. É um concelho fundamentalmente agrícola. A criação de gado, a apanha da azeitona e da cortiça ainda hoje geram importantes receitas.

Vias Principais: Estradas: EN2, EN244 Caminhos de Ferro: Linha do Leste

Feriado Municipal: Segunda-feira após a Páscoa.

Principais festividades: Festa da Salgueirinha (Páscoa); Romaria de Sto. António da Amieira (Páscoa); Festa de Nª Srª dos Prazeres (Maio); Semana da Cidade (Julho); Festival de folclore (Julho); Festa de Nª Srª dos Prazeres (Agosto); Festas de Verão (Setembro); Feira de Outubro.

Feiras e Certames: Feira de Janeiro, Feiras de Março, Feiras de Outubro.

Hospitais / Centros de Saúde: Centro de Saúde de Ponte de Sor.

Estabelecimentos de Ensino: Jardim de Infância: Jardim Escola João de Deus, Jardim Escola da Santa Casa da Mesericordia, Escola EB1 de Ponte de Sor, Básico: Escola EB23 João Pedro de Andrade, Secundário:  Escola Secundária c/ 3CEB de Ponte de Sor, Especial: Centro de Emprego

Um pouco de história:

  Ponte de Sor foi elevada a cidade a 8 de Julho de 1985. O nome da povoação deve-se à primitiva ponte romana, que integrava o percurso da 3ª via militar que ligava Lisboa a Mérida.

 Zona de instabilidade de fronteiras durante a reconquista, Ponte de Sor, inicialmente património dos Templários, foi reconquistada pela Ordem de S. Bento. O seu primeiro Foral é-lhe outorgado pela Sé de Évora, em 1161, e mais tarde confirmado por D. Manuel. Desaparecida a ponte romana, D. João VI mandou construir em 1822 a actual ponte.

  Ponte de Sor é uma cidade simpática, rodeada de um cenário verdejante e com várias igrejas e capelas interessantes, como a Igreja da Misericórdia com uma imagem do Espírito Santo do século XVI.

  Uma das principais atracções turísticas da região é a Barragem de Montargil, onde os adeptos da pesca desportiva encontram muito para se entreter, e os outros podem igualmente beneficiar, deliciando-se com uma sopa de peixe que já ganhou fama nos restaurantes locais.

sinto-me:
publicado por sor-topia às 22:44
link do post | comentar | favorito
5 comentários:
De Gotty a 18 de Outubro de 2007 às 23:05
Ponte de Sor é uma das mais belas cidades que conheço, e já lá fui muito feliz. O João é o maior e escreve muito bem.
De Palha a 22 de Outubro de 2007 às 02:51
Ja' tens uma admiradora o' Pacheco ! :P

Sim sr, um "BI" bem feito sobre a nossa cidade !

Continuem assim

Ah e claro ... xDDD
De Helena a 23 de Outubro de 2007 às 00:16
Muito bem escrito. Não poderia eu dizer melhor. ESte post é muito importante para que chame a atenção de algumas pessoas que queirão visitar este bonito lugar.
De David a 23 de Outubro de 2007 às 00:35
Parece ser uma cidade bonita e gira de se ver talvez qq dia passe por lá:)
De Ritz_ a 28 de Outubro de 2007 às 20:46
O Pacheco dá 500. LOL. O post está bem conseguido. *

Comentar post

.Ponte de Sor
.pesquisar
 
.Maio 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28
30
31
.tags

. todas as tags

.links
.arquivos

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

.Fazer olhinhos
blogs SAPO
.subscrever feeds